Portaria do Mapa define testes para diagnóstico do mormo no país

Postada em: 26/03/2018

Foi divulgada na terça-feira (20/3), a Portaria nº 22 do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), que define os testes laboratoriais para o diagnóstico do mormo no Brasil. Segundo a portaria, os testes de triagem para o diagnóstico da doença são a Fixação de Complemento (FC) ou o ELISA (Ensaio de Imunoabsorção enzimática). O teste complementar é o Western Blotting-imunoblotting (WB).

A Portaria define ainda as informações que devem constar no formulário de requisição para os testes de diagnóstico laboratorial, que devem ser empregados individualmente, por animal.

Mediante autorização do Mapa, outros métodos podem ser empregados como teste complementar em situações específicas.

O desenvolvimento de novas provas laboratoriais de diagnóstico que possam trazer benefícios às ações de prevenção ou erradicação do mormo no Brasil também podem ser adicionadas aos testes, segundo o Mapa, de acordo com os preceitos recomendados pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE).

Saiba mais: Mapa publica instrução normativa mais rigorosa para controle e erradicação do mormo

Fonte:Assessoria de Comunicação do CFMV